Abrace a sua dor, antes que ela lhe abrace.

Abraçar a dor é aceitar o que não pode ser modificado.

É compreender que a vida não é feita somente de bons

momentos.

É saber ser o outro quando o outro não sabe ser você.

É cumprir uma meta impossível.

É semear esperança em um terreno infértil.

Aceite a dor como uma maneira de aprender a aprender,

faça dela o seu norte, sua amiga, pois é através desta que

você se reconhece, conquista os melhores amigos, aprende o

significado da solidariedade e encontra o verdadeiro amor.

Autor Bessa de Carvalho

Direitos autorais reservados a Bessa de Carvalho